SuperFM Noticias

Todos os destaques do Rock estão aqui!
03 Setembro 2018

Bill Ward Ficou ‘De Coração Partido’ Depois De Sair Dos Black Sabbath Em 2012

||
0 Comentários
|

Durante o seu primeiro recital de poesia, realizado em Los Angeles, o baterista Bill Ward falou sobre a sua traumática saída do Black Sabbath, em 2012. Na altura, a banda tinha anunciado a reunião de sua formação original, mas Ward não participou na iniciativa após divergências contratuais. O músico foi substituído por Brad Wilk (Rage Against The Machine, Audioslave) nas gravações do disco “13” e por Tommy Clufetos (Ozzy Osbourne) nas tourneés feitas até ao fim do grupo, em 2017.

Bill Ward disse que a saida dos Black Sabbath em 2012 foi “algo realmente prejudicial” para ele e “para muitas pessoas na relação”. “Muitas das coisas que estão a surgir na minha poesia estão na minha recuperação de algo que era muito sagrado para mim. O meu amor foi dilacerado, o meu coração foi partido”, afirmou.

Apesar da situação, Bill Ward disse ter superado os problemas e sente-se “em paz” actualmente. “As coisas de 2012 são o passado. Estou num lugar muito iluminado, amo as pessoas com quem trabalhei a vida toda. Superei tudo o que havia de negativo dessa época”, comentou.

Por fim, o baterista agradeceu aos fãs dos Black Sabbath pela “ligação” obtida durante os concertos com a banda. “Quando tocava bateria no palco, despejava tudo para fora. Eu ia para o meu estado primitivo, o fundo do meu próprio eu. Sei que vocês estavam no fundo dos seus “eus” interiores também. Era como fazer sexo sem sexo”, afirmou.

 

Talvez queira ler também...   Suspeitos Do Costume: Lançamento De "Salve-se" Quem Puder

Deixa um comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com