SuperFM Noticias

Todos os destaques do Rock estão aqui!
01 Setembro 2016

Homens Que Fumam E Bebem São Os Preferidos Para Relações Curtas

||
0 Comentários
|

A ciência já provou que fumar e beber não é recomendável. Mas parece que nem tudo é mau para as pessoas com esses “vícios”.

Uma pesquisa da Universidade de Gent na Bélgica sugere que homens que “fumam (cigarros) e bebem álcool” são mais atraentes para as mulheres. Mas atenção: apenas como parceiros de curto prazo.

O estudo, intitulado “The Young Male Cigarette and Alcohol Syndrome” argumenta que o apelo sexual está ligado ao grau de “risco” que o homem aparenta ter.

O resumo explica que o comportamento de risco é atraente no “curto prazo” nos contextos de “engate”. Acrescenta ainda: “Tendo em conta que fumar e beber têm custos físicos consideráveis, este estudo explora a possibilidade de que o tabaco e álcool façam já parte de uma estratégia dos homens para relações de uma noite.

A experiência mostrou que as mulheres percebem os homens que fumam e bebem como sendo mais propícios  para relacionamentos curtos ao contrário dos que não bebem nem fumam.

O estudo, que foi publicado na revista Evolutionary Psychology, pediu a 239 mulheres belgas com idade entre 17 e 30 para avaliarem curtos perfis de homens. Nestes curtos perfis estavam, entre outros dados, os relativos ao consumo de tabaco e de álcool. Foi então pedido às mulheres que avaliassem a possibilidade de uma relação de curto ou longo prazo tendo em conta os factores de risco.

Os resultados sugerem que os homens que fumavam e bebiam foram considerados mais atraentes para relações de curto prazo.

De acordo com um estudo posterior, os homens que fumam e bebem são eles prórpios também (geralmente) mais interessados em relacionamentos de curto prazo.

Talvez queira ler também...   Copos De Plástico Mudam O Sabor De Vinhos E Espumantes

O pesquisador chefe Eveline Vincke disse: “Um estudo de acompanhamento confirmara que o comportamento dos homens corresponde com as percepções das mulheres, “No geral, estes resultados mostram que os cigarros e o álcool podem funcionar como uma estratégia de acasalamento de curto prazo.”

Deixa um comentário