SuperFM Noticias

Todos os destaques do Rock estão aqui!
13 Abril 2019

David Ellefson Ficou Aliviado Com A Separação Dos Megadeth

||
0 Comentários
|

Os Megadeth estão em grande. A banda acabou de lançar Warheads On Foreheads, disco de “greatest hits”, e prepara-se para um novo álbum de inéditas. David Ellefson, baixista da banda, revelou em entrevista ao Ultimate Guitar que está feliz com a posição que se encontra actualmente.

Mas o músico, membro dos Megadeth desde 1984, nem sempre se sentiu assim. Na entrevista, também destacou algumas dificuldades em tocar há muito tempo com as mesmas pessoas. “Quando estou no palco eu divirto-me e aproveito muito, mas é como tentar manter uma família unida. Há alturas que tens que fazer algumas coisas que nunca imaginarias, mas tu és parte da banda, e tudo isso faz parte da vida como músico. Todos nós temos partes dos nossos trabalhos que não são tão glamourosas, e faz parte da vida”, desabafou.

Entre as dificuldades de manter o grupo junto e ficar afastado dos filhos, o baixista revelou que chegou a ficar aliviado com o final da banda em 2002. “Um dia o Dave [Mustaine] ligou-me e disse que ele estava a sair dos Megadeth e a banda tinha acabado. Por um lado fiquei muito aliviado porque eu odiava ficar longe dos meus filhos. E depois pensei “talvez esta fase da minha vida tenha acabado”, pensado de imediatamente de seguida “merda! Como é que vou pagar a minha casa?”, brincou.

Megadeth separaram-se em 2002 após Dave Mustaine sofrer uma lesão nos nervos do braço. O grupo reuniu-se dois anos depois e, desde então, já lançou seis álbuns e prepara-se para lançar o sétimo..

Talvez queira ler também...   Herman Li (Dragonforce) Fez O Primeiro Solo De Guitarra Debaixo De Água

Deixa um comentário