SuperFM Noticias

Todos os destaques do Rock estão aqui!
04 Dezembro 2018

Fizeram Um Minuto De Silêncio Por Um Jogador Que Está Vivo

||
0 Comentários
|

Da Irlanda chega-nos uma das histórias mais incríveis – e macabras – do ano.

O Ballybrack, clube daquele país, ficou de luto depois de um dos seus jogadores, Fernando Nuno La-Fuente, ter aparentemente falecido num acidente de mota. O emblema em questão informou a Liga Leinster do sucedido e o jogo frente ao Arklow Town foi adiado. Nos outros jogos, foi cumprido um minuto de silêncio em memória do atleta.

Acontece que começaram a surgir rumores que o jogador afinal estava vivo e tinha ido para a sua terra natal, em Espanha. A Liga começou então uma investigação sobre o caso.

«Queríamos mostrar as nossas condolências, ir à missa e talvez conhecer a família e ver o que poderíamos fazer para ajudar nessa situação horrível», começou por contar o presidente da Liga Leinster, David Moran, citado pela BBC.

«Disseram-nos que ele tinha ido para Espanha no sábado e isso fez soar os alarmes. Como é que se morre na sexta-feira de manhã e se é levado para Espanha no sábado?», questionou.

«Vimos os hospitais, vimos em todo o lado. Ninguém conseguiu encontrar nada sobre este jovem. Obviamente, alguns dos seus companheiros de equipa divulgaram coisas nas redes sociais a dizer que ele tinha voltado para Espanha há quatro semanas», contou o presidente da Liga Leinster, David Moran, prometendo lidar com esta questão «através dos seus próprios procedimentos disciplinares internos».

O Ballybrack também reagiu ao sucedido, pedindo desculpa: «Nesta fase, só podemos oferecer as nossas sinceras desculpas à Liga de Leinster e ao nosso adversário Arklow Town.»

«O clube entrou em contacto com o Fernando para confirmar o seu paradeiro, bem-estar, e agradece que tenha aceite o nosso pedido de desculpas sobre este caso.»

Talvez queira ler também...   500 Adeptos Do Celtic Protestaram Com Violência Após Derrota Na Taça

Deixa um comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com